Atenção – Inscrições para exames ensino secundário -correção das inscrições
18 Abril, 2020
A criatividade em CASA
22 Abril, 2020

Horta Pedagógica na Escola de Santo António

Este ano houve a vontade de criar algo diferente. Sendo a “Horta Pedagógica” uma das disciplinas que compõem a Educação Especial, orientada pelo Professor Luís Miguel Gomes, este resolveu convidar o Professor Hugo Barradas (DT 5E) para que, em parceria com o trabalho de projeto da sua direção de turma se procedesse à construção de uma horta pedagógica com paletes de madeira.

Após a finalização da construção, foi solicitado composto à ALGAR com vista à preparação do local para a plantação dos vários legumes e flores.

Uma vez o terreno preparado, chegou a hora de incluir os alunos da Educação Especial das ACS e a turma do 5º E nas atividades a realizar na horta. Deu-se então início ao fator decoração, com a realização de um painel decorativo central, alusivo ao tema, assim como várias flores, também em madeira, que corroboraram a decoração. Chegou então a hora do cultivo e os alunos puseram, mais uma vez, mãos à obra, plantando vários legumes, dos quais salientamos: couves e alfaces, nabos e pimentos, trigo, hortelã, salsa e coentros. Neste contexto de sementeira da horta, adicionado também a um processo decorativo, tal como o painel, foi dinamizada pela professora Noélia Viegas, com a colaboração dos seus alunos da disciplina “O Homem e o Ambiente”, uma área circundante, com vasos encastrados nas paletes de madeira, onde se plantaram diversas flores, tais como, jacintos, petúnias, frangipanes, catos, entre outras. As tarefas inerentes aos alunos, para além de semear e cuidar, basearam-se na manutenção da horta, regando e cuidando para que, de forma saudável, todas as plantas pudessem crescer de uma forma saudável e harmoniosa.

Com o passar do tempo, foram-se agregando ao projeto, mais alguns professores do concelho de turma do 5.E e da Educação Especial, com o intuito de tornar este espaço num jardim agradável à vista e potenciador de bem-estar comum.  bem como o professor João Pinto com os alunos na realização de textos sobre os vários tipos de legumes plantados, origem da palavra e formas de confeção, a Professora Guiomar, que orientou os seus alunos na construção de um espantalho e das flores em madeira para ornamentar o espaço.

Neste momento, já temos couves e alfaces que se empenharam no crescimento e que, em forma de agradecimento, proliferaram com garra, apesar de todos os contratempos, como podem apreciar nas nossas fotos.